6 de janeiro de 2016

Como diferenciar uma estrela de um planeta a olho nu?


Em uma noite qualquer, ao observarmos o céu, podemos estar olhando para um planetas ao invés de uma estrela. Ambos são idênticos à primeira vista, mas se diferem em dois aspectos básicos, perceptível por qualquer pessoa. 
Para você conseguir identificar estas diferenças, antes de tudo, você deverá procurar um lugar afastado de qualquer claridade urbana, (postes, lâmpadas, faróis...) e o céu deve estar limpo.

Primeiro: Só as estrelas cintilam, ou seja, "piscam" seu brilho no céu. Os planetas têm o brilho fixo, não ficam cintilando como as estrelas, o seu brilho provem dos raios solares, que por sua vez são refletidas a nós, por este motivo seu brilho é fixo.

Segundo: Em um curtos períodos de tempo, as estrelas não variam de posição. Já os planetas mudam de posições no céu com o passar das horas, em uma noite qualquer você pode observar tal fato. Só restará saber qual planeta você estará contemplando.

Quantos planetas conseguimos ver a olho nu?

Podemos observar sem o auxilio de um telescópio apenas cinco planetas: Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter e Saturno. Abaixo temos uma representação do céu, e podemos observar o planeta Júpiter e Marte. 
Programa stellarium.



Fonte: Planetas e estrelas - Um guia prático de carta celeste, Arjuna C. Panzera, Ed. UFMG

10 comentários:

  1. muito bom o blog super completo e é um coplemento para pesquisa ja que vasculhando na net pouco se encontra aqui ta tudo mastigado

    ResponderExcluir
  2. Sabe dizer se Júpiter continua visível no céu noturno? Ontem dia 01/04/16 apontei meu celular com aplicativo "carta celeste" para o céu e nele indicava uma "estrela" bem brilhante, e no aplicativo supostamente Júpiter. Queria saber se ele sempre está visível ou se ele aparece apenas em alguma épocas do ano.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela visita Jociana. O planeta Júpiter está visível sim durante as nossas noites. Com certeza esta "estrela" brilhante que você viu, é o planeta Júpiter. Mas nem sempre conseguimos observar o planeta no céu, devido a muitos fatores. Por exemplo: lá para setembro deste ano, Júpiter surgirá durante o nascer do sol, e praticamente vão se por juntos. Portanto, não conseguiremos observa-lo pelo ofuscamento da claridade do Sol. Pois aparecerá durante o dia. Mas pode contemplar o planeta Júpiter durante esta noite. Abraços.

      Excluir
  3. olhe, muito bom o blog e muito bem explicado
    gostaria de indicar o blog de meu professor de física: http://raiosinfravermelhos.blogspot.com.br/
    é ótimo como o seu de uma passada lá
    queria fazer uma pergunta:
    Todos os dias para chegar em casa, passo sobre um pasto onde não há nenhuma iluminação
    consigo ver muitas estrelas, porém quando as olho tentando descobrir se é um planeta meu olho arde (acho que por razão do vento) e não consigo diferencia-las
    poderia meu ajudar meu caro?
    Ps: da uma passada no blog :)

    ResponderExcluir
  4. Colega gostaria de saber sobre uma estrela azul muito cintilante e brilhosa que estava no céu a noroeste do dia 22-08-2016, no caso hoje, gostaria de saber o nome da mesma, se você souber e puder me dizer desde já muito obrigado!

    ResponderExcluir
  5. Não é a noroeste mas sim suldoeste, desculpa o engano!

    ResponderExcluir
  6. então já que o SOL é uma estrela, então porque ele não é cintilante ??????????

    ResponderExcluir
  7. Boa noite, gostaria de saber se está estrela brilhante e grade à leste próximo da lua à sua direita aborto é Júpiter? Dia 09/04/2017 as 21:00 horas.

    ResponderExcluir
  8. Jupiter!

    http://g1.globo.com/sp/piracicaba-regiao/noticia/observatorio-de-piracicaba-mostra-aproximacao-de-jupiter-entrada-e-gratuita.ghtml

    ResponderExcluir